25 de agosto de 2007

Sco(a)l(h)ari Jesualdo ….Nem (só) com Quaresma !!!...

Aproveitando o Arménia/Portugal de 4ª feira e antevendo o clássico que bate a porta, dou comigo a pensar em ditados popular antigos (…de louco todos temos um pouco…), embora exista quem abuse. O que têm Scolari e o clássico de Domingo em comum?.Para bem das nossas cores espero que nada ou então pouco. Repentinamente outro empírico saber (…não se mete a foice em seara alheia…), mas desta feita, Ai C’Um Carago, qualquer destas searas, também é nossa…

Mais uma que outra, nacionalismos e patriotismo à parte, sofro mais pelo PORTO, que pela Selecção, (não seremos nós Portistas todos assim?...), e vai daí mesmo que a esta altura, da praça da Galiza aos cafés da Foz, e eu sei cada vez mais por esse Portugal fora, (para azia de muitos!!!...), de jornal em punho e ao sabor do verdadeiro cimbalino, ouvem-se cada vez mais bitaites dos famigerados técnicos de mesa de bar e treinadores de bancada. Não fujo à regra, e como tal já estou embrenhado na torrente de emoções que o clássico nos trás, mas não pelas melhores recordações, é que para os mais alheios à realidade Azul e Branca, não ganhamos no Dragão aos lagartos vai para 3 embates e pelo meio não fomos também capazes de o fazer noutros palcos em outros 2.

Precupado (s)…. de certa forma, é que de repente alucinei!!! E se Jesualdo pensar também que Quaresma não é parte integrante de uma qualquer solução para um jogo de futebol??? (para Scolari em Yerevan contra um colosso da nova Europa, o Harry Potter esteve em part-time), e se o Prof. ao abrigo das lesões nos avançados recorre também a um qualquer central do plantel, para surpresa do adversário (o Sargentão com J.Tomás no banco optou por B. Alves).

Com resquícios do último banho de bola no Dragão, já fomos de novo abatidos pelos nossos tiros nos pés, mas também por esse russo, com nome de fiel Amigo do homem de Pavlov, mas que nos deixou a salivar pelos “juros” a aplicar. Não sou adepto de vinganças, nem de exibições com laivos de raiva, mas bem que o nosso Mister podia apelar a esse espírito, revisitar Mourinho nas artes do psicológico (P. Bento até já espicaçou o Dragão dizendo que não perde há muito tempo), e apresentar algo de inovador, algo que obrigue o losango do Sporting a pisar terrenos desconhecidos (se é que há disso para jogadores da bola com vontade de correr…), estou certo que pressionados a lagartada se vai sentir desconfortável.

E se é certo que (…não há fome que não dê em fartura…), venha de lá um repasto, nem que para isso se viva de invenções, solte Quaresma, introduza variáveis de criatividade com Leandrinho, dê-lhes com esse pêndulo balístico de nome Lucho, sofra do mesmo mal de adaptar laterais direitos à esquerda, ou da vergonha de fazer entrar no onze o proscrito Postiga, estude o 4*4*2, improvise no 4*3*3, se achar por bem pense em todos os outros 4*5*1, 3*5*2, 4*2*3*1 e/ou até outros que desconheço, mas livre-se de aparecer na Flash Interview, com o seu característico ar carrancudo, sisudo e por detrás de conversa para “boi dormir”, não diga com orgulho, ganhamos porque fomos melhores, porque em condições normais (que já não são porque o arbitro é o Sr. Pedro Proença) somos melhores. Com ou sem sector intermediário forte, com ou sem sorte, com equilíbrio ou sem ele, deixesse de paneleirices, seja firme nas convicções e alinhave na conferência de imprensa discursos conscientes (não de ocasião como os da selecção e depois redundam em empates), que as acções daqueles que dirige sejam consentâneas com aquilo que devemos ser em todos os jogos, Autoritários, Mandões e Ganhadores, onde apenas se conheça como até a bem pouco tempo a palavra GANHAR como colega de balneário. Bem dito, melhor feito… lá estou eu outra vez com a sapiência gereatrica, se para criticar teria de poder supera-lo, não esqueça “Não é por ser Impossível que deve deixar de Tentar” e eu Prof. Jesualdo DOMINGO QUERO GANHAR!

ps: já sabem que às 3ª feiras, podem contar com a análise ao jogo do Bruno, religiosamente neste blog, exclusivamente para si.

10 comentários:

Paulo Pereira disse...

Estamos em sintonia. Desde já, pk sofro sim, e desalmadamente, pelo nosso Porto. A Selecção, essa, considero-a um entretem, para passar o tempo, enquanto não chega o futebol a sério. Na equipa das quinas, continua tudo na mesma. A submissa imprensa, rendida ao "talento" scolariano, tudo lhe permite, sem uma voz crítica. O k seria de outros, empatando na Arménia, com aquela pobre qualidade exibicional?
Ponto 2 da sintonia: eu quero é ganhar, seja com tranquilidade, com suavidade, ou com pressão. Interessa é vencer. Preferencialmente, como em Braga, jogando bem e mostrando a Vukcevic, o novo papagaio de serviço leonino, que o Porto não é só Quaresma. Talvez surja um herói improvável, redimindo-se de outras ocasiões onde a apatia imperou. Vamos a eles Postiga.

Carago, apostei 30 € em vocês!!!!

tbz disse...

Bruno, tb eu quero ganhar domingo. Para alar de vez esses discursos leoninos, sempre com queixumes. E já tá na hora de levarem um correctivo. É bom k Jesualdo não se atemorize e jogue para ganhar.
Temos equipa para isso.

Abraço,

MEKETREF disse...

O Sporting nos jogos com o Porto é. tradicionalmente beneficiado. A história assim o diz. Na ultima supertaça, a mão do Tonel, diz tudo.Que ganhe o melhor e que não haja casos na arbitragem que prejudiquem o jogo. Já agora que não apareça nenhuma suspenção de um jogador do Porto via FPF

RANGEL disse...

Memória curta por causa de uma bola na mão? Quantas bolas na mão não assinaladas há em todos os jogos em todas as jornadas? Memoria curta é não se lembrar das viagens de arbitros ao Brasil, das dezenas de escutas telefonicas q parece q não existem, dos amiguinhos magistrados e das trocas de favores nos ultimos 20 anos. Das prendinhas aos arbitros, dos cafezinhos, das prostitutas, da vergonha no tunel do estadio das Antas. Chega? Será q neste país ninguém tem vergonha na cara?

Paulo Pereira disse...

Dasse...já começa a ser fastidioso responder-vos, nessa vossa aaprente superioridade moral sobre tudo e todos.
Meu caro, prendinhas deves saber bem do que falas, ou já te esqueceste do Juca e as suas belas máquinas fotográficas oferecidas a árbitros, como pretensa oferenda inocente?

Prostitutas podes sempre procurar a opinião de Mr.King, árbitro internacional, aliciado por V.Exas. antes de um jogo nas competições europeias. Já divulgado amplamente na blogosfera, encontras aqui a história, com todos os pormenores escabrosos, na secção "escândalos". Como vês, o modus operandi dos visondes não é muito diferente da plebe em geral. Vergonhas e trocas de favores tb o teu clube tem uma história sumarenta para se contar. Só mais um pequenino exemplo: Mario Luis, árbitro da final da Taça de Portugal, em 1979, que depois de uma inenarrável série de erros a vosso favor, embarcou, uma semana depois, com a comitiva leonina, na digressão efectuada à China. Foi apelidado, desde aí, de chinezinho...
Gosto destes embates, sabes pk? Puxam-me pela memória...
Já ouviste falar de Manaca, meu toino? Se não, devias, pois foi ele k vos deu o campeonato k roubou o tri a Pedroto, nos finais dos anos 70, com um autogolo, na última jornada, frente ao SCP. Azar? Talvez...ou não. É k o dito cujo tinha sido vosso atleta, tendo os jornais da época dado conta de aliciamentos k o jogador teria sofrido. Bela maneira de vencer, não achas?

ps: não é meu hábito responder a adeptos verdes. Nada contra, mas sempre considerei o Sportem um clube demasiado emproado para mje preocupar com ele. É que, para além disso, vocês limitam-se apenas e só a vencer meia dúzia de competições internas. Porque será?

Anónimo disse...

http://www.voteyourteam.com/

Vamos elevar o nome do nosso Grande FC PORTO.

Votem agora, e 1 hora depois podem voltar a votar.

Mas votem mesmo.

Bruno Pinto disse...

Eu, neste jogo, também quero ganhar! Estou à espera de um FC Porto agressivo, empreendedor, dominador na maior parte do tempo. Jogámos em casa e está na hora de Jesualdo se superiorizar a Paulo Bento. Não há desculpas, só a vitória interessa, queremos ganhar, o empate será derrota!

Abraço.

Anónimo disse...

A agência de comunicação de Luís Paixão Martins (LPM) rescindiu o contrato com o FC Porto para prestação de serviços de assessoria mediática. Numa carta enviada à SAD portista, a que o Expresso teve acesso, a LPM afirma que, devido à sua ligação com o FC Porto, tem “sofrido uma lamentável sucessão de pressões ilegítimas”.

No documento, a LPM, uma das maiores agências de comunicação do país, declara ainda que “existe uma anormal coligação de interesses que procura impedir a expressão pública” do FC Porto, “mesmo quando se trata de situações que poderíamos descrever como de legítima defesa”.

tiago pimentel disse...

Mais um excelente motivo de interesse para o jogo de amanhã: os amiguinhos da 2ª circular empataram, mesmo com o Camacho.
Por isso, vencendo como nos compete, ficamos já com pontos de avanço de toda a concorrência.

Abraço,

Anónimo disse...

Distracções judiciárias

Na véspera do atentado da ETA com matrícula portuguesa, o porta-voz da Polícia Judiciária estava ocupado a fazer publicar no "Crime" uma entrevista em que se me refere. Não mereço tantas atenções.

Diz no essencial duas coisas. Em primeiro lugar, anuncia que SLB e FCP têm agências de comunicação. Ora, como é do domínio público, SLB recorre aos serviços de uma agência de comunicação há mais de 2 anos e só agora FCP decidiu proceder do mesmo modo. E só agora é que o porta-voz da PJ parece preocupado com o assunto.

Em segundo lugar, avisa que "não é por muito dizer mal do processo que ele é desacreditado, isto da parte do FCP", acrescentando: "O que constatamos é que se criou um caso nacional em redor do Apito Dourado e que essa discussão acalorada está a deixar marcas no processo".

Como dizia um amigo que me telefonou preocupado, o porta-voz da PJ esforça-se por me posicionar como uma espécie de Maria José Morgado ao contrário. A procuradora consegue fazer do nada um processo terrível. Eu conseguiria (na visão PJ) tornar em nada um processo terrível. Haja paciência.



LPM, 25-08-2007