12 de agosto de 2007

Quem não tem unhas...toca ferrinhos!!!

Leiria, a Capital de Distrito onde figuram 2 das maravilhas portuguesas, foi uma vez mais aziaga para os Dragões de Jesualdo. Entrando sobre a égide de todos diferentes, todos iguais, em boa verdade do lado Azul e Branco eram mais iguais que nunca (13 reforços???, nem vê-los, e o Sporting segundo o Prof. é que tinha um ano de trabalho de vantagem). O Magalhães Pessoa como cenário, (diferente daquele que a Bwin nos trás a cada transmissão), bravos adeptos dragões calando vezes sem conta um dos maiores bastiões leoninos em Portugal, fazendo ver ao professor que estão com a equipa sempre e em qualquer lugar. O filme após 90min, terá laivos de tragédia ou intrépidas masoquistas….Do jogo propriamente dito, para os dragões pareceu começar por volta das 21h15.

Balizas iguais, Postes Diferentes….!!!!

Verdade à condição de quem não se lembrar a uns meses atrás neste mesmo relvado de derrota por score idêntico até no similar das bolas esbarradas nos ferros…aturdidos caros amigos. Mesmo após algumas horas de sono (dormi mal é sempre assim, quando não se escovam os dentes), ainda me zumbem os ouvidos pelo barulho metálico de ditos apêndices (no meu tempo de Keeper dizia serem a 3ªmão).
Quaresma sempre ele atirava na cobrança de livre, (derrube de Abel a Fucile a queimar a linha da área de rigor leonina), ao poste direito, falta que roçou um cartão de outra cor, a meu ver, mas que apesar de mal cobrada pelo Harry Potter redundou em mais do mesmo, tirando logo de seguida cruzamento de letra, que apenas serviu para animar as hostes draconianas. Minutos volvidos novo cruzamento traiçoeiro e “plim”, o mesmo incauto barulho, começava a ser difícil conviver com o dito cujo….

Sistemas Diferentes, Erros Iguais…..!!!!

Virá os entrar, parecem aquelas assistentes dos anúncios “daqui fala a Marta”,Ok , estariam seguros…firmes na aplicação das leis de jogo, cedo convivi com essa certeza, e com novo barulho metálico estridente, era o Apito, minuto e meio decorrido e já se amarelava o 1º jogador dragão, começava bem, (se em Ponte de Lima decorre o 1º Festival Credial Música Pimba), na cidade do Liz antevia-se festival do Assobio da Lata.
Apitadeiros, eles são Apitadeiros, zurziam-me ecos neste apêndices da cabeça (vulgo orelhas), enervava-me a condução do jogo, a falta de critério posto no mesmo, quando vejo juntar-se a festa outro dos ícones deste desporto….as bandeiras (eu sou mais adepto dos cachecóis), num repente o agora bem equipado Sr. Assistente de Linha Lateral, desfraldava num ápice o seu artefacto de labor a punir infracções sucessivas de Adriano a lei de Off-side, começa aqui a minha lição dos novos ensinamentos da dita lei….até ontem em causa de dúvida o beneficio era para o ataque, embora nem sempre (quase nunca aplicada), ontem o ataque a esta causa passou pela defesa…Confusos?….Explicação dos intrépidos Comentadeiros, diziam eles em avaliação aos ditos lances, "parece não estar….duvidoso, mas o fiscal defendeu-se bem", parece-me que ainda estou a ver 2/3 excelentes estiradas para o lado direito, capaz de envergonhar qualquer guarda redes de renome, começa a época em Grande Forma.

Sob o signo da balança, o equilíbrio era apenas quebrado quando soava o “Pri-Pri” da Paixão, mais uma falta Azul e Branca, (ou então não), era tempo de dar lugar ao Fair-Play, porque nós Dragões temos muita falta dele, e Romagnoli, atingira Derlei, com contundência na face (não são eles da mesma equipa, o “Ninja” era do Porto mas agora é só o Derlei do Sporting, não, não é aquele que ficou por vestir de “Rosa”), não houvera ninguém capaz de colocar a bola fora das 4 linhas, permitindo-se lançar o ataque em profundidade onde Polga, um bom fiel de balança defensivo perdera o equilíbrio….Bola ao solo bem no meio campo não fosse parecer que tinha sido propositada a interrupção.

Sonos diferentes, Adormecidos iguais…!!!!

Nervoso miudinho, prontamente sanado com um retemperador assobio estridente, desta feita era o sinal para o regresso as cabines - que diria o Prof. a seus pupilos? - aproveitei e no meio do que fora o marasmo de uma 1º parte insípida, mas não capaz de fazer dormir o meu “Vix”, que insistentemente pontapeou a chupeta como que querendo empurrar aquele meio campo carregador de piano…Pensei, enquanto o adormecia, era previsível e Jesualdo não nos enganará, equilíbrio táctico, equilíbrio de forças, Paulo Bento e o seu controlo de Jogo, nós num 4*3*3, conhecido, mas com um 3 de meio campo sem ponta de criatividade, com um 3 da frente, sem explosão, sem magia e com as nuances infames, de nem Lisandro, nem Quaresma aparecerem nas alas, este último contra natura mais pelo meio, o 1º sem capacidade de aproveitar as suas tantas vezes mortíferas diagonais, dos 4/5 da linha defensiva, estes entretinham-se a causar frissom com as pouco inteligíveis faltas de comunicação, entre centrais e Helton, fruto de um futebol lateralizado, sem um capaz organizador da 1º fase de jogo, que redunda num claro pontapé para a frente quando pressionados por uma pressão alto muito em voga no futebol moderno de hoje…...Ideias falhas para quem pretende atacar o tão desejado Tri.

Jogos Diferentes, Bombas Iguais…!!!

Tal como previra em comentários deixados na blogoesfera, este Porto vive de Quaresma e absorto de outras ideias, joga um futebol sem fio condutor, que o deixa a mercê de um qualquer momento menos feliz, ou de um incauto pontapé no marasmo, assim foi nos dois últimos confrontos, fomos abatidos à lei da bomba, 1º Rodrigo Tello, agora fruto de um casuístico míssil russiano, que passara ao lado do jogo mas não o suficiente …Eficácia, momento de inspiração, a merda que lhe quiserem chamar. Momentos antes o professor mostrou querer dar outro “Kaz” a equipa, pensei agora é que estamos fecundados, num ápice dava a luz a sua fecunda alteração, clareira centro campista, báscula do ataque leonino esquerda, meio campo e toma lá que é democrático, (esses Filhos da Puta Russos não eram Comunistas) …Sem artífices para mudar o rumo, a ingerência técnica Azul e Branca, nada arriscou, o jogo caminhou a passos largos e vertiginosamente para o seu fim sem que antes, a nossa bomba esbarrasse nos ferros e nos fizesse ouvir o tilintar dos ferrinhos. Aziago, o regresso a competição oficial, ainda estão com água na boca depois da exibição portista, Paulo Bento continua a vencer nos duelos de banco, Jesualdo não apresentou nem escova, nem pasta capaz de manter o hábito da higiene oral, fica o amargo de boca e o sorriso amarelo, não fomos inferiores a um leão verde em muitos aspectos do jogo...

Melhor em Campo

Fucile: Competitivo, veloz, capaz, foram dele os melhores momentos do Porto, carrilou muito jogo em combinação com Cech e Quaresma, um verdadeiro guerreiro com espirito Dragão!

Pior Em Campo e o Negativo

Quaresma: O tilintar dos ferros emudeceram-lhe a magia, tem nos postes e em Leiria motivos para não recordar.

Este Porto corre, só não sei bem para onde, terá Leiria repercussões nefastas como na época transacta?. Braga é já ao virar da esquina e na 3ª Jornada voltamos a este palco malfadado.

Os Fantásticos 4, deles nem uma palavra porque como é costume dizer-se, o melhor elogio é quando não se dá por eles em campo, e os leões nem deram pela sua presença, não é Tonel, (vou ver Penaltys similares serem marcados quando a alguém der jeito, mas este era impossível o arbitro ver…mesmo para os desaPAIXÂOnados clubistas dir-se-á).

6 comentários:

nuno pinto disse...

A lagartada teve a sorte do jogo (muita sorte) e até agora ainda não vi ninguem falar do "roubo" que foi aquele penalty contra o sporting não assinalado.Espero para ver os jornais de amanhã. Se nada dizerem, então não se venham queixar no futuro e acabem com as hipocrisias habituais.

Paulo Pereira disse...

Ora, ora, e dizias tu que tinhas dificuldade em escrever. O que aconteceria se não tivesses:)
Está um belo texto, e digo-o sem qualquer bajulação. Infelizmente estreias-te aqui com uma derrota, mas melhores dias virão (espero eu, pelo menos!)
Só não concordo muito com o pior em campo. Este Porto está tão dependente de Quaresma e nós, adeptos, esperamos tanto dele, que quando ele joga normalmente, nos parece pouco. Foi inconsequente, mas não acho que tenha sido o pior do Porto. Quanto ao resto, era o esperado. Conservadorismo em excesso do Mr. Higiene Oral, e a arbitragem esperada. Hoje, parece que nada de anormal se passou, a crer nas crónicas jornaleiras dos pasquins do costume. Nada de menções ao árbitro, num "deja-vu" constante, mas hipócrita. E desta, o que terá Filipe Soares Franco a dizer?

tiago pimentel disse...

Bruno, sê bem vindo a um blog k aprendi a admirar. Gostei da tua crónica, com momentos de humor, mas com contundência suficiente para colocar o dedo na ferida, ou nas várias feridas!
Acorde, prof. Jesualdo, k ainda vai a tempo. O Porto tem k jogar sempre ao ataque!!!!
Bruno Paixão, é por demais evidente k tens um problema kk com o Porto. Das duas uma: ou pedes para nunca mais apitar um jogo dos Dragões, ou vais a um psiquiatra.
Ou então espeta-te contra um muro, seu filho da puta!

Dragaopentacampeao disse...

Se o Porto jogasse tão bem quanto o Bruno escreve, não haveria Paixões que resistissem...

Enfim, como diz o Paulo, melhores dias virão para que as crónicas do Bruno tenham outro enquadramento.

Parabéns!

carlos piedade disse...

Para k ñ hajam confusões, sou benfikista mas entre FCP e SCP, como ñ podem perder os 2, prefiro a vitória do SCP mas gostaria de ver e ouvir o Soares Franco e os calimeros de sempre a comentar agora a arbitragem deste jogo, mas como desta vez o SCP foi claramente beneficiado toda a gente s cala até á próxima derrota ou empate! A falta de vergonha e d coerência é um ds grds problemas d futbol português; Parabéns ao SCP

luis disse...

Primeiro, os meus parabéns aos sportinguistas pela conquista da SUPERTAÇA. Segundo, saliento o que já tinha dito quando escrevi o comentário sobre Bruno Paixão a quem dou o cognome "o ladrão". Os jogos que arbitra, é sempre contra o FCP e, rouba como um gatuno profissional. Não bastou roubar o campeonato ao FCP no jogo com o Campomaiorense como agora ofereceu ao Sporting a SUPERTAÇA roubando 1 G.P. 2 Roubos, que deram ao Sporting 1 campeonato e esta SUPERTAÇA! Onde está o apito dourado? Em Lx!!